domingo, 27 de junho de 2010

Vegetarianos na Chapada

Texto e fotos: Adriana Tourinho



Um bom destino para os vegetarianos que querem fazer ecoturismo e ter um leque de opções para alimentar-se bem é a Chapada Diamantina, uma região de serras, bem no centro do Estado da Bahia. Há uma variedade de pratos, sabores e iguarias que lhes permite deleitarem-se com uma alimentação saudável e consciente.
O que não falta são lugares aconchegantes para se hospedar com uma cozinha saborosa à espera. Iguarias diferenciadas como a batata da serra, que tem 90% de água em sua composição, o mel orgânico com pimenta e até uma espécie de cacto, chamado de palma, fazem dessa viagem uma verdadeira experiência gastronômica.
O portão de entrada da Chapada Diamantina é a cidade de Lençóis. Lá, os vegetarianos podem se hospedar no Hotel que leva o nome da cidade, possuidor do certificado de sustentabilidade dado pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). O Hotel de Lençóis oferece um espaço sofisticado com uma estrutura ampla (piscina, salão de jogos, parque infantil, etc.). O café da manhã acontece no salão do Restaurante Roda d’Água Gourmet. Pode-se apreciar a vista para uma área verde e saborear os vários tipos de pães, bolos, sucos, etc. numa mesa farta. O Roda d’Água Gourmet, sob o comando do Chef Pedro Soeiro, apresenta em seu cardápio pratos direcionados ao público vegetariano: lasanha de berinjela, suflê de espinafre, caruru de palma, dentre outros.

Cardápio Vegetariano.

Situado no município de Palmeiras, outro destino imperdível é o Vale do Capão, muito reverenciado por sua natureza deslumbrante e o turismo de aventura. A Pousada Villa Lagoa das Cores, situada na parte alta do Vale do Capão, é, de fato, privilegiada pela sua localização, cercada por montanhas. Muito confortáveis, os chalés são personalizados com aromas e é ainda oferecida uma infra-estrutura de Spa holístico, chamada Flor de Lótus, uma ótima opção para quem quiser relaxar após ter feito uma trilha. A visão panorâmica e a música ambiente contemplam a hora do café da manhã no restaurante Arômata D´Lagoa, recheado de opções saborosas, inclusive pães feitos em sua cozinha (destaque para o de ervas). Para o almoço existe também a opção de pratos vegetarianos como o risoto de palmito de jaca com cogumelo hitachi, espaguete de abobrinha e purê de aipim com cogumelos hitachi ao molho de ervas. Há o cultivo orgânico dos alimentos, incorporados a uma agricultura sustentável (prática comum em muitos restaurantes da Chapada).

Purê de aipim com cogumelos hitachi ao molho de ervas.

Ao visitar o Capão, vegetarianos não devem deixar de experimentar a ecopizza e o pastel de palmito de jaca, em ambientes distintos na vila; e o mel orgânico - Flor Nativa - produzido pela Associação de Apicultura do Vale do Capão. A Chapada Diamantina é um destino promotor de vida, onde se somam turismo de aventura, passeios culturais e botânicos, uma rica gastronomia, hospedagens aconchegantes, resultando num cenário extraordinário, imperdível de se visitar.


Disque Bahia Turismo - (71) 3103-3103.
Chapada Diamantina Convention & Visitors Bureau - http://www.chapada.org
Associação Brasileira das empresas de Ecoturismo e Turismo de Aventura - (31) 3261-5707.
Hotel de Lençóis - http://www.hoteldelencois.com.br/
Pousada Villa Lagoa das Cores - http://www.pousadalagoadascores.com.br
Mel Orgânico Flor Nativa - (75) 3344-1101.

Nenhum comentário: