terça-feira, 16 de outubro de 2012

Sinto muito, sim.

Eu aceito "amenizar" o meu lado sentimental com relação a um cão internado, até certo ponto.
7 dias dentro de uma gaiola, um cão de porte médio, sem saber quantos mais dias ficará internado? E quando no quadro clínico há uma melhora, o que fazer? Se tiramos o cão da clínica, assumimos o risco dele vir a piorar. Se o deixamos na clínica, também não? O lado sentimental desses outros animais também não conta? Esse "decidir com a razão" e não com o lado sentimental que tanto os médicos de humanos, quanto os das demais espécies falam, tem sim um limite. Sinto muito, mas meu cão volta pra casa.

 
Espaço onde Touro tem ficado na clínica. Nós levamos uma almofada.

Ass.: Meu lado sentimental

Nenhum comentário: