quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Olhando para o passado, muitas crueldades praticadas eram aceitas por diversas sociedades. Se você consegue hoje entender o problema moral reclamado que envolve o reconhecimento dos direitos animais - inclusive comparando-o com casos semelhantes no passado, envolvendo humanos - você encontra aí uma tendência moral que estamos vivenciando e lutando de acolhimento dos animais não-humanos para um novo código moral, e isso mexe sim com a consciência das pessoas. Como diz Oliver Thomson, as moralidades mais bem-sucedidas basearam-se no medo. E finaliza seu raciocínio dizendo que o maior desafio está na construção de um "novo etos amadurecido," com objetivo positivo, a partir da compaixão e não só do medo. Bem apropriado para mudança de paradigmas. "Piegas" para uns, simplesmente por acharem insignificante a causa.

Nenhum comentário: