domingo, 23 de novembro de 2014

Segundona

O Brasil já foi o país do futebol. 'País do futebol', hoje, é a Alemanha, que tem investido no esporte. É triste ver o 1o campeão brasileiro ir novamente para a 2a divisão. Triste pra quem é torcedor do time e para quem gosta do futebol brasileiro. Sei que muita gente vai se manifestar ou pensar em se manifestar nesse post sacaneando o Bahia. Sacaneiem o futebol brasileiro, que vive da fama de ser o melhor futebol do mundo, vangloriando-se apenas daqueles jogadores que têm estrela própria, longe de ter um investimento no esporte como a Alemenha tem feito. Como não olhar para fora com brilho no olhar e não perder esse brilho para com o Brasil? Estamos sempre, em tudo, lutando pra não ir pra "segundona", e nem sempre conseguimos.

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Ficção real

Lendo e "linkando" pra lá e pra cá, juntei duas leituras e o resultado ficou interessante, parecendo um diálogo real: 

 - Os sacrifícios de animais por religiões afro-brasileiras não contrariam as leis que asseguram aos animais o direito ao bem-estar e vedam a crueldade e maus-tratos; pelo contrário, entendem os mesmos como sagrados e dignos de respeito, trecho do artigo publicado por Malú Flávia Amorim .

- Religiões organizadas, que colocam a humanidade no centro de algum plano divino, parecem ser um afronta à nossa dignidade e à nossa inteligência, palavras de Lawrence M. Krauss.